fbpx

Semana Lucrativa 19, um espaço onde comentamos os principais eventos que impactaram os mercados acionistas globais na semana anterior e os resultados financeiros das principais empresas cotadas em Bolsa.

 

Principais eventos da semana:

  • Semana de quedas para quase todos os índices que acompanhamos: O Russell 2000 2%; o Nasdaq 1.9%; o S&P5003%; Dow Jones 1.17%; o STOXX 600 0.71%. Do lado das subidas tivemos o CSI-300 a subir 2.19%; e o PSI-20 que terminou a terceira semana de ganhos com uma subida de 0.4%.
  • A Inflação nos EUA para o mês de abril superou os valores esperados: aumentou 4.2% face a abril de 2020 (quando se esperavam 3.6%) e ganhou 0.8% para o mês (quando se esperavam 0.2%). Este é o valor mais elevado dos últimos 13 anos!
  • O Índice de Preços Produtores (PPI) subiu 0.6% em abril em relação a março, acima do esperado nos 0.3%, mostrando mais sinais inflacionários (e 4.6% YoY). Lembrar que o PPI mede a variação de preços na perspetiva dos vendedores. E já que os produtores estão a pagar mais pelos bens e serviços, esse custo poderá ser repassado ao consumidor.
  • Ofertas de emprego comerciais, de escritórios e industrial veio nos 8.123 milhões quando se esperavam apenas 7.500 milhões. Este é o valor mais elevado dos últimos 3 anos, tendo ultrapassado o máximo estabelecido em março de 2019 (7.581 milhões).
  • No campo das fusões e aquisições a Kansas City Southern aceitou a oferta de compra da Canadian National Railway’s por $33.6 biliões (como tinha referido anteriormente, esta oferta supera os $29 biliões oferecidos pela Canadian Pacific Railway).
  • Resultados trimestrais:
    • AirBnB: 64.4 milhões de noites e experiências agendadas na plataforma, uma subida de 13% YoY (embora represente uma queda de 21% face ao mesmo período de 2019). Os valores brutos de reservas (Gross Booking Value) atingiram os $10.3B, um aumento de 52% YoY (ou 3% face a igual período de 2019). Receitas para o 1ºT de 2021 subiram 5% YoY (e 6% face a 2019) para os $887 milhões, valores surpreendentes, dado que ainda há tantas restrições a viagens de lazer dado a crise pandémica. Os prejuízos líquidos ascenderam aos $1.17B. Há uma tendência de aumento generalizada nas viagens domésticas e estadias de proximidade e em áreas menos densamente populadas.
    • Marriott: receitas por quarto caíram 46.4% em todo o mundo YoY, e as receitas totais caíram 51% YoY para os $2.3B. Prejuízos por ação de $0.03 (comparando com os lucros de $0.09 no 1ºT de 2020). No entanto, a empresa adicionou mais 134 propriedades e 23.500 novos quartos por todo o mundo durante o 1ºT, e os níveis de ocupação no mercado chinês estão perto dos de 2019.
    • Simon Property Group: receitas trimestrais caíram 9% para os $1.24B; FFO de $934 milhões (ou $2.48 por ação) para o trimestre, uma queda de 10% face ao 1ºT de 2020. Lembrar que nos REITs o que interessa mais é ver o FFO. A ocupação está nos 90.8% e a renda aumentou 0.6% YoY para os $56.07.
    • Wendy’s: vendas digitais sobem cerca de 10%, receitas sobem 13.6% YoY para os $460 milhões e o lucro líquido dispara 186% para os $41.3 milhões. O lucro por ação triplica para os $0.18.
    • US Foods: vendas para o 1º trimestre praticamente inalteradas nos $6.3B. Já os prejuízos por ação aceleraram 70% para os -$0.18.
    • Tyson Foods: lucros por ação a subirem 26% para os $1.30
    • Virgin Galactic: prejuízos de $129 milhões, uma melhoria de $655 milhões face a igual período do ano anterior.
    • Roblox: a empresa de jogos apresentou receitas a subir 140% YoY para os $387 milhões. Contudo, o lucro operacional para o 1ºT de 2021 foi de $134 milhões, embora a empresa tenha conseguido aumentar o FCF 4x para os $142 milhões. Os utilizadores ativos diários subiram 79% para os 42 milhões de DAUs, e as horas jogadas dispararam 98% YoY para os 9.7 biliões de horas.
    • Electronic Arts: Receitas caem 3% para os $1.3B, lucros caem quase 82% para os $76 milhões. A empresa lançou 13 novos jogos durante o ano fiscal. Só o Sims 4 cresce a sua base de utilizadores pelo 6º ano consecutivo, atingindo 36 milhões de pessoas até à data.
    • Walt Disney: receitas trimestrais caíram 13% YoY. Já os lucros por ação subiram 32% YoY. O Free Cash Flow caiu 67%. Receitas por segmento: Media e Entretenimento subiu 1%; Parques caiu 44%.
    • Vroom: a empresa de venda online de carros usados aumentou o número de unidades vendidas online em 96% YoY para as 15.504 veículos. Receitas online subiram 81% YoY para os $422.3 milhões. No entanto, os prejuízos aumentaram 88% para os $77.19 milhões, enquanto que o número de ações emitidas aumentou 16x!
    • Alibaba: Receitas trimestrais cresceram 64% YoY para os 187 biliões de A empresa gerou, no entanto, um prejuízo operacional de RMB 7.6B devido à multa aplicada de 18.228B RMB (ou $2.8B). Todos os segmentos cresceram a dois dígitos, mas o serviço de logística Cainiao cresceu 101% YoY. Free Cash Flow veio nos 658 milhões de RMB, uma subida de 84% YoY. GMV – Gross Merchandise Value, um valor que mostra as vendas numa plataforma online, atingiu os 8.1 triliões de remimbi. O número de utilizadores ativos anuais superou o bilião em todas as plataformas somadas (Freshippo, Ele.me, Youku, Tmall, Taobao, Lazada, AliExpress, etc.). Só o número de utilizadores mobile veio nos 925 milhões, um novo recorde para a empresa.
    • BioNTech: receitas para os primeiros 3 meses do ano a aumentar 73x para os 2B€, altamente impulsionadas pelas mais de 1.8 biliões de doses contratadas para 2021 (450 milhões já expedidas). A empresa tem agora como objetivo os 3 biliões de doses para 2021. O lucro por ação veio nos 4.39€, o que compara com o prejuízo por ação de 0.24€ reportado no ano anterior.
    • Coinbase: receitas de $1.80B, um aumento de 3x YoY. Os lucros vieram nos $771 milhões, 24x acima do ano anterior (Lucros por ação vieram nos $3.05).